Formação ou Deformação?

Formação ou Deformação?

 

O que é educação? O que é escola? Para que ambas servem? O dicionário define educação como: processo de desenvolvimento da capacidade física, intelectual, e moral do ser humano. E escola como: estabelecimento público ou privado onde se ministra ensino coletivo. Dessa forma podemos concluir que a escola é o local onde sujeitos providos de intelecto não desenvolvido são postos lá para á partir daí receberem a educação, esta sendo responsável pelo desenvolvimento do ser humano nos campos físico, intelectual e moral.
No entanto, estas afirmações não correspondem a realidade, uma vez que a escola que conhecemos e freqüentamos desde nossa infância só nos traz experiências frustrantes quanto ao nosso desenvolvimento, pois sua ação repressora de pensamentos, sentimentos, sensações e questionamentos leva-nos a um estado de inanimação social, fato este de fácil percepção, basta observar o mundo em que vivemos, repleto de injustiças sociais, guerras, corrupção, alienação e todos os problemas-clichê da sociedade contemporânea. Todo esse esquema foi construído e desenvolvido por classes dominantes, e nós cegamente contribuímos para a manutenção do mesmo, porém isso só acontece devido a uma base educacional que nos molda, nos aliena e nos condiciona a acreditar e enxergar o mundo como um lugar de concorrência, de fortes e fracos, de ricos e pobres, de negros e brancos nos incutindo e impondo valores direta e indiretamente. Origina-se dessa maneira dentro de cada ser social (principalmente nos de classes desprovidas) uma sensação de existir uma espécie de casta, onde quem nasce em famílias abastadas deve e tem que permanecer no mesmo nível, sendo que quem nasce em situação sócio-econômica desfavorável não tem o direito de ter uma ascensão social.
Não existe desenvolvimento físico se você não tem o que comer e a escola rechaça o brincar argumentando ser perda de tempo este ato, sendo o brincar a forma mais pura, lúdica, agradável, saudável e barata de se desenvolver um ser humano. Não existe desenvolvimento cognitivo/intelectual e psicológico se você é “podado” a todo o momento nas instituições de ensino caso você questione o “todo poderoso” professor detentor do saber e da verdade, pois o aluno segundo a visão velada deles (dominantes), não passa de um mero recipiente vazio a ser preenchido de “conhecimento”, conhecimento este escolhido a dedo pela classe ou partido que no momento esteja no poder, despejando seus livros e idéias com conteúdos tendenciosos e contraditórios ao nosso dispor, já que a escola é uma ferramenta ideológica. Não há desenvolvimento moral de verdade se nos obrigam a crermos em valores elitistas no qual é “bonito” o pobre ter que ser honesto e o rico um usurpador de riquezas. Não é possível haver desenvolvimento crítico de um sujeito quanto à realidade em que vive se o mesmo estiver aprisionado as garras e presas de uma escola repressora, manipuladora e exclusiva.
Essa é a escola que possuímos, que nossos pais foram educados, que nos educamos e que se nada fizermos para mudar será a que educaremos nossos filhos também, criando mais uma geração mergulhada em meio a mentiras, farsas, alienação, conformismos, miséria, fome, desilusão e morte. Deixem a escola livre, deixem-na viver, vamos todos nós auxiliarmos na formação de sujeitos pensantes e não impor verdades construídas, porque o homem não é um ser acabado e sim um algo em constante construção, sendo assim… seja feita nossa vontade!!!

Cuspido Por: Márcio “Pigmeu”

Comentários

comentários

Cremo é idealizador e fundador do Cultura em Peso, Asatrú, amante incondicional da fotografia e da cena underground, na qual vive intensamente há 16 anos. Formado em Redes para Computadores, é ex-vocalista das bandas La Tormenta (Grind) e Dead Bush (Punk), ambas de Minas Gerais. Ouve de Punk Rock a Metal Extremo, tendo como principais bandas na sua playlist Ratos de Porão, Napalm Death, Extreme Noise Terror, Circulo Activo, Amon Amarth, Elluvetie e Lacerated and Carbonized. Literalmente um Viking que não marca território: o mundo é sua morada. Lê constantemente sobre política, religião, história das guerras e a autodestruição humana que não aprendeu até hoje a viver com as diferenças. Some com a cena ou suma dela mesmo, agora!

Matérias relacionadas