Chaos inc: entrevista

chaos inc

 

Cultura em Peso: A Chaos inc teve inicio em 2008, e de lá para cá lançou dois materiais, qual é o amadurecimento que a banda acredita ter adquirido de um album para o outro?

Zozi Fernando: Primeiramente, gostaria de agradecer a oportunidade deste contato! Sobre amadurecimento, acredito que conseguimos enxergar o que funcionou bem ou não nos registros passados, além de ver a reação do público em cada som executado nas apresentações. É evidente também a diferença das linhas vocais hoje empregadas com a entrada do Eduardo Matos(vocal e baixo).

 

CP: “Let The Chaos Begin”, foi o primeiro material, onde foi gravado, produzido , mixado? Como foi a composição dessas musicas?

ZF: O Let The Chaos Begin foi gravado/mixado e produzido no Estudio Da Tribo (Krisiun, Claustrofobia, R.D.P., Torture Squad, etc.). As composições foram e são criadas da mesma forma até hoje onde eu ou o Maicon (guitarra) aparecemos com alguns riffs, eu os gravo em casa e mando para os demais, todos escutam, comentam e avaliam o que pode ficar ou não, e quando ensaiamos trabalhamos nestas ideias.

 

CP: Sobre Death Train, a banda segue divulgando este trabalho ou ja esta criando material novo para gravação?

ZF: Estamos na fase de mixagem/produção do nosso primeiro álbum. O mesmo deve estar pronto até o início do segundo semestre deste ano.

 

CP: Como foi a gravação do clipe Despair and pain ?

ZF: Nós fizemos tudo de forma independente, tanto filmagens, edições e produção!

CP: Jogo rápido:

4 bandas nacionais:

ZF: Sepultura, Krisiun, Claustrofobia e Forka.

4 bandas internacionais:

ZF: Os clichês cara! Metallica, Pantera, Slayer e Exodus.

1 cd:

ZF: Chaos A.D..

1 livro:

ZF: De Volta ao Mosteiro: O Monge e o Executivo falam de Liderança e Trabalho em Equipe.

CP: Uma frase:

ZF: O caminho pode não ser tão fácil, mas viver uma vida sem histórias pra contar é tempo perdido!

 

CP: Por qual motivo a banda trocou de baterista? E como conheceram o novo baterista?

ZF: O Daniel Koervo (ex Batera) saiu por motivos pessoais, estava buscando foco em outras coisas e acabou optando por sair da banda, tudo numa boa! O Andry Hernadez eu conheci através de uma outra banda que eu iria tocar, o Depressed (Mauá – SP), porém por alguns motivos acabou não dando certo com eles. Neste tempo comentei com o Andry que estávamos procurando batera e cá estamos hoje!

 

CP: Como esta a agenda da banda?

ZF: Estamos ensaiando para retomar aos palcos, por isso até o momento não há nada agendado.

 

CP: Quais os projetos para 2015?

ZF: Lançar nosso primeiro full álbum e tocar em toda parte!

 

CP: contatos e merchan:

ZF: , facebook.com/zozi.fernando, youtube.com/chaosincx, www.chaosincx.com e cel para contato (11) 99162-1886.

 

CP: Considerações finais:

ZF: Estamos nessa para nos divertir e bater cabeça e esperamos que todos curtam o som, tanto do álbum que estar por vir e dos já lançados quanto no palco!

Uma grande abraço!

Comentários

comentários

Cremo é idealizador e fundador do Cultura em Peso, Asatrú, amante incondicional da fotografia e da cena underground, na qual vive intensamente há 16 anos. Formado em Redes para Computadores, é ex-vocalista das bandas La Tormenta (Grind) e Dead Bush (Punk), ambas de Minas Gerais. Ouve de Punk Rock a Metal Extremo, tendo como principais bandas na sua playlist Ratos de Porão, Napalm Death, Extreme Noise Terror, Circulo Activo, Amon Amarth, Elluvetie e Lacerated and Carbonized. Literalmente um Viking que não marca território: o mundo é sua morada. Lê constantemente sobre política, religião, história das guerras e a autodestruição humana que não aprendeu até hoje a viver com as diferenças. Some com a cena ou suma dela mesmo, agora!

Matérias relacionadas