Resenha Tubarão Metal Fest

tubaraometalfest

 

Como é de praxe nas produções da Agosto Negro, foi impecável!

Pensando sempre no conforto para bandas e público Danniel Bala escolheu o Congas Music, casa que tem aberto espaço e prestado grandes serviços ao cenário underground na região.

Horários pontuais havendo alguns pequenos atrasos nas últimas apresentações não são pontos negativos, cast, produção e público fizeram uma grande noite.

O ponto negativo do evento fica no campo extra, foge da responsabilidade da produção, houve falhas pontuais no som, que eram corrigidas no mesmo momento, mas alguns integrantes ainda assim se percebia exaltados, nada grave, segue o baile, vamos aos shows:

 

Abrindo  o evento e sendo a primeira banda a se apresentar, os músicos tubaronenses da banda DEADNATION deixaram a alma no palco destruindo a calmaria do local mostrando toda a brutalidade do death metal. Para uma banda que iniciava suas atividades, subindo ao palco pela primeira o grupo excedeu as expectativas, culpa lógica da experiência de cada membro grupos anteriores. Em cada uma das músicas, em cada riff, pegadas marcantes de bateria e baixo, mostrando o que é mesmo um som porrada para os ouvidos!

Formada por Rafael Spilere (guitarra–Distressed/SouthLegion), Fabricio “chubaca” Wronski (vocal), Jefferson “Finho” Pereira (guitarra- backing vocal), Jadson “ Feto” Falchetti (baixo-Hellio costa) e Gustavo Oliveira(bateria-Abeastnence/Distressed).

A primeira apresentação foi bem marcada e extremo ,sendo ela  composto por 5 musicas autorais e 3 covers.

1-Overlook

2-Sadland

3-Cover clássico de Dismember –Casket gardem

4- Sickmind

5-Cover de Gorefest-The glorius dead

6-Possession

7-Cover de Brujeria-Colas de rata

8-Killing for kill

Contatos :

[email protected]

www.facebook.com/DEADNATION

 

 

 

A banda ENEMY  sendo a segunda banda a tocar,  o grupo já tem cravado seu nome no sul catarinense trazendo um som que tem poucas bandas trabalhando na região, o hardcore que varia entre as vertentes Californiana e Nova York.

Com um gingado e consistência inconfundíveis, o grupo se revela extremamente melhor  cada apresentação, mostrando que seu profissionalismo sempre impecável so tende a crescer o já alto nível do grupo.

Até quem não era adepto do hardcore não conseguiu se render e foi contagiado  pela aura da banda, que foi sempre correspondida pelo público. Em uma sincronia e carinho reciprocos a apresentação da banda ficou marcada pela resposta positiva ente público e Enemy.

 

Formação atual :

Gilberto (mexicano) – Baixo

Arnaldo Dos Santos – Guitarra

Fransley (Paraná) – Vocalista

Raphael Sheffer – Bateria

Fazendo um show de estourar os ouvidos com um repertório único e forte com suas próprias composições:

1-Novo começo para que quer perder (Ep.ácido)

2-Moldado (Ep. Estado de guerra)

3-keepers of the Faith (cover terror)

4-Linha de frente (Ep. Estado de guerra)

5-Revolta (Primeira single)

6-Próprias mãos (Ep. Estado de guerra)

7-Futuro vago (Ep. Estado de guerra)

8-Ácido (Ep.ácido)

10- Mentira contada

11-Cácere (Single de 2011 junto com revolta)

12-Sinérgico (Single 2017 e música do vídeo clipe já lançado em abril deste ano do Ep. Estado de guerra)

 

Contato:

Enemyhc.com

 

 

 

Héllio Costa,  a banda veio com a corda toda tocando seu repertório com toda ousadia e energia com a setlist muito bem selecionada. Também representante do hardcore, vem em uma vertente com mais peso, mais levado ao Nova York com grandes influências de Metal.

Formado por integrantes de grande experiência no Sul catarinense, o grupo vem ganhando espaço cada vez mais e passo a passo alavancando seu nome, e claro fixando-o no cenário catarinense.

Deixamos como destaque “Sangue Na Marreta” e “Carne de Ladrão” na apresentação da banda.

 

1- Raimundão

2- This is Now (Hatebreed Cover)

3- Infanto Atirador

4- Carne de Ladrão

5- Punishment (Biohazard Cover)

6- Levanta Vacilão

7- Pastor Valdemiro

8- Máquina Militar (R.D.P. Cover)

9- Eu Não Atravesso Na Faixa De Pedestre

10- Que Se Foda

11- Sangue Na Marreta

12- L-19

13- To The Threshlod (Hatebreed Cover)

14- Straight To Your Face (Hatebreed Cover)

Contato :

[email protected]

 

A banda KHROPHUS de São José-sc dispensa comentários e apresentações, eles integram o seleto grupo das principais bandas de metal extremo do Brasil.

Recentemente a banda fez uma apresentação  já com  Hugo Deighman (baixo e vocal) que já esta há um ano na formação. O  Congas music neste ultimo dia 24/06 , recebeu a ilustre presença da banda com uma longa trajetória e um nome bem conhecido pela região, talvez o principal nome da história do metal catarinense. Uma verdadeira hecatombe sonora, chacina musical, o grupo trouxe sua tradicional violência aliada a impecável técnica e qualidade e entrega habitual em cada nota, em cada acorde. O respeito e tratamento com os fans dado pelo grupo é um selo marcado da banda.

Poderíamos destacar Hugo Deigman na apresentação da banda, por se firmar num posto em que muitos queriam estar, onde houve substituições e inadaptações. Hugo chegou e casou como uma luva na mão certa, e vem dando certo na difícil função de ser frontman e baixista da banda, porém não há como elogiar apenas um membro neste trio onde cada um tem uma função primordial e juntos o objetivo de trazer um fuzilamento chamado  Death Metal.

setlist:

1-Smoke screen

2-Interposition

3-Master of shadows

4-Dead face

5- Lost initiations

6-Testimony of ilusion

7-Harvest

8-Statues

 

Contatos :

www.facebook.com/Khrophus

www.khrophus.com

 

Alcoholic Trendkill  foi um grande marco para este evento, seu retorno muitas vezes pedido pelos bangers criciumenses foi atendido. O grupo tem grande história e respeito conquistados com muita trabalho e suor, e seu retorno foi e é festejado pelos amantes do metal. Como houve mudança na formação o grupo mudou de nome e passa a se chamar Alcoholic Conspiracy. Com músicas clássicas da formação antiga, e alguns covers a banda incendiou o salão, como muitas rodas “punk”. Um clássico esta de volta nas estradas, abram a pista!

 

1- RIP

2- Fear to Fall

3- Refuse/Resist

4- Alcoholic

5-Stay Out

6- Fuck this world

7- Seek

8-Churrax

 

 

Contato:

[email protected]

 

Resenha: Thayanar Cardoso

As fotos do evento não foram feitas por uma fotografa oficial do Cultura em Peso, podem ser vistas na página oficial da fotografa Alice Durante que fotografou o evento:

Clique no link -> Alice Durante

Comentários

comentários

Cremo é idealizador e fundador do Cultura em Peso, Asatrú, amante incondicional da fotografia e da cena underground, na qual vive intensamente há 16 anos. Formado em Redes para Computadores, é ex-vocalista das bandas La Tormenta (Grind) e Dead Bush (Punk), ambas de Minas Gerais. Ouve de Punk Rock a Metal Extremo, tendo como principais bandas na sua playlist Ratos de Porão, Napalm Death, Extreme Noise Terror, Circulo Activo, Amon Amarth, Elluvetie e Lacerated and Carbonized. Literalmente um Viking que não marca território: o mundo é sua morada. Lê constantemente sobre política, religião, história das guerras e a autodestruição humana que não aprendeu até hoje a viver com as diferenças. Some com a cena ou suma dela mesmo, agora!

Matérias relacionadas